WhatsApp irá ganhar versão para empresas



Boa parte das mensagens trocadas diariamente no WhatsApp corresponde ao atendimento oferecido por empresas. Demorou, portanto, para o serviço ter uma versão específica para comunicação com clientes, não? Bom, antes tarde do que mais tarde: o app do WhatsApp para empresas já está em testes.
O WhatsApp é um serviço de comunicação pessoal, razão pela qual o aplicativo é todo preparado para que o usuário compartilhe fotos, vídeos e, claro, troque mensagens. Mas o serviço também vem sendo usado, por exemplo, para aumentar as vendas de lojas de bairro, pizzarias e farmácias. De igual modo, empresas de médio e grande porte oferecem, cada vez mais, canais de suporte ao usuário via WhatsApp.

É claro que o Facebook (dono do WhatsApp, vale relembrar) sabe disso. A própria companhia reconhece que as empresas têm muitas necessidades diferentes com relação ao serviço. Por exemplo, para uma loja pode ser interessante ter um perfil verificado para evitar que o nome da empresa seja usado em fraudes.

Provavelmente, a maior necessidade é um meio de permitir que um número grande de interações com clientes possa ser realizado mais facilmente. Mas dá para ir mais longe: como o WhatsApp é usado no comércio, não seria ótimo se o aplicativo tivesse integração nativa com um serviço de pagamentos?

Mas os recursos da versão corporativa ainda não foram divulgados. O anúncio oficial revela apenas que o WhatsApp Business, como está sendo chamado, vai ter uma versão gratuita para pequenos e médios negócios, além de uma solução para empresas de grande porte, como redes varejistas, bancos e companhias aéreas — elas podem enviar notificações com horários de voos ou mudança de portão de embarque, por exemplo.

Ainda não há prazo para a liberação do WhatsApp Business. O serviço ficará em testes por alguns meses. A boa notícia é que o aplicativo deve ser disponibilizado no Brasil, pois há empresas locais participando da fase piloto. A maior, de acordo com o WhatsApp, é o Itaú.

Apesar de o WhatsApp Business estar sendo divulgado agora, o assunto vem sendo estudado há algum tempo: as primeiras informações sobre uma versão para empresas surgiram em março.

Via TecnoBlog

Comentários

comentários

Comentários fechados. trackback from your own site.

Comentários fechados.


Powered by WordPress | Designed by: Premium Themes. | Thanks to Juicers, Free WP Themes and